casamento coral

Coral e Orquestra para Casamentos

ÁUDIOS | VÍDEOS
 
   
  HOME
home
  SOBRE O TOCCATA
sobre o toccata
  NA MÍDIA
sobre o toccata
  A ARTE DE CASAR
sobre o toccata
  MISSA DE NATAL
sobre o toccata
  TEMPLO DE SALOMÃO
sobre o toccata
  EVENTO ITATIBA
sobre o toccata
  CASAMENTOS
casamento
  RECEPÇÃO
recepcao
  CORPORATIVO
CORPORATIVO
  AGENDA
AGENDA
  DEPOIMENTOS
DICAS
  MÚSICAS - VIDEO
videos
  IGREJAS
videos
  IGREJAS - REGRAS
videos
  TRABALHE CONOSCO
IGREJAS
  FALE CONOSCO
FALE CONOSCO
  LOCALIZAÇÃO

localizacao
videos
  AVE MARIA
videos
  CORO OU CORAL
videos
  HISTÓRIA DA MÚSICA CLÁSSICA
videos
  HISTÓRIA DA DA MPB E DA BOSSA NOVA
videos
  HISTÓRIA DO JAZZ
videos
  FRASES SOBRE MÚSICA
videos
  HISTÓRIA DO ROCK
videos
  MARCHA NUPCIAL
videos
  MÚSICA
videos
  MÚSICA SACRA
videos
  MÚSICOS
videos
  MÚSICA BRASIL COLONIAL
videos
  ORQUESTRA E INSTRUMENTOS
videos



  DICAS
videos
  ALIANÇA
videos
  BEM-CASADO
videos
  BODAS
videos
  CASAMENTO CIVIL
videos
  CASAMENTO RELIGIOSO
videos
  CASAMENTOS
videos
  DAMAS DE HONRA / PAJENS
videos
  FRASES PARA CONVITE DE CASAMENTO
videos
  HISTORIA DO VESTIDO DE NOIVA
videos
  JUIZ DE PAZ
videos
  LUA DE MEL
videos
  VESTIDO DE NOIVA
videos
 
  PARCEIROS
home
  Aluguel de Carros
home
  Assessoria para Casamento
home
  Buffet para Casamento
home
  Cabeleireiros
home
  Cerimonial para Casamento
home
  Convites para Casamento
home
  Decoração para Casamento
home
  Foto e Vídeo para Casamento
home
  Lua de Mel
home
  Música para Festa
home
  Sitio para Casamento
home
  Vestido de Noiva
home
 
você esta aqui: inicio - igrejas restrições
Igrejas - Regras
   
Igreja Cruz Torta
CERIMÔNIA DO MATRIMÔNIO

1- No dia do matrimônio não será permitido em hipótese alguma, atrasos na cerimônia. Por isso recomenda-se que marquem no convite, pelo menos, quinze minutos antes do horário de início da celebração. Considerando que nesta Paróquia são agendadas celebrações sucessivas, com a mediação de 1 (uma) hora entre elas, de forma a não atrasar as celebrações subseqüentes a nave e o presbitério da Igreja deverão estar totalmente liberados em até 40 minutos após a hora agendada para início da celebração. (Por exemplo: celebrações agendadas para início às 18:00hs deverão se findar até às 18:40hs), respeitas o quanto disposto no item 5.7 abaixo.

2- De modo a combinar eventuais detalhes da celebração e/ou obter esclarecimento de dúvidas sobre a cerimônia, o noivo, os pais, as daminhas e os padrinhos deverão chegar à Igreja ao menos com trinta minutos antes da hora marcada para o início da celebração. Ato continuo, o noivo deverá se dirigir à Secretaria.

3- A noiva deverá adentrar ao pátio da Igreja até 5 (cinco) minutos antes do início da celebração, sendo permitido ao veículo que a estiver conduzindo, avançar até a entrada da Igreja.

4- A celebração sacramental terá tempo máximo de 40 (quarenta) minutos e deverá ser iniciada no horário marcado.

5- O cortejo (formado pelos pais, padrinhos, noivo, daminhas, etc.) deve estar montado 10 (dez) minutos antes do início da celebração, independentemente a quem estiver faltando.

6- A disposição litúrgica no presbitério (altar e ambiente que lhe circunda) não pode ser alterada.

7- De modo ao permitir que a celebração se encerre nos 40 (quarenta) minutos subseqüentes ao horário marcado para início da celebração para que outras cerimônias não sejam prejudicadas, serão tomadas uma ou mais das seguintes providências:
a) Caso o atraso seja até 10 (dez) minutos
• Redução dos cortejos de entrada
• Corte nas músicas
• Supressão da entrada das alianças
b) Caso o atraso seja superior a 10 (dez) minutos:
• Transferência da celebração para o último horário do dia.
c) Caso o atraso seja superior a 10 (dez) minutos e esta for a última ou única cerimônia do dia:
• Preferencialmente, aplicar-se-a o disposto no item acima. No entanto, não sendo iniciada a celebração nos 40 (quarenta) minutos subsequentes ao horário previsto para seu início, a Paróquia estará autorizada a cancelar a celebração.

CORAL/MÚSICA

1- Os noivos deverão contratar os profissionais que estão cadastrados no Guia, de modo a evitar danos ao patrimônio da Igreja e assegurar que a música contribua para o clima religioso da celebração matrimonial.

2- A música “sala de espera” tem por finalidade propiciar os convidados em ambiente acolhedor e favorável ao encontro com Deus. As músicas instrumentais clássicas ou barrocas e as músicas sacras atingem com facilidade este propósito e são as mais indicadas para este momento.

3- Para atingir este objetivo e realçar a dignidade da celebração do Sacramento do matrimônio, estabelecemos que, desde a sala de espera até a benção final, as músicas serão clássicas, barrocas ou sacras. (desde que não seja a música “Also spracht Zarathustra”), exceto para as daminhas entrarem antes do início da celebração; o teclado só poderá usar sons de órgão ou piano e os instrumentos de percussão serão utilizados com efeito sinfônico apenas, sendo vedada a condução de ritmo (bateria), desde que seja condizente o ambiente religioso.

4- Lembramos aos noivos que é proibido o uso de som muito alto dentro da Igreja, pois contraria o objetivo do encontro sagrado: a harmonia.

5- Os corais devem cantar no piso da nave da Igreja (sem adentrar no presbitério).

6- Serão permitidos até 3 (três) cortejos de entrada por evento e um cortejo de saída, assim como clarins nos degraus do presbitério na entrada da noiva (não no corredor da Igreja). Lembrar que, se os recém-casados quiserem que os padrinhos cumprimentem parados e saiam, os mesmos deverão sair em seguida com a mesma música para não caracterizar dois cortejos.

7- Na benção das alianças deve ser cantada (nos casos em que forem contratados cantores; caso contrario, seja tocada) uma Ave Maria, se o casal for católico; caso um deles seja cristão de outra denominação, seja cantado ou tocado um “Pai Nosso” ou “Jesus, Alegria dos Homens”, caso um deles não seja cristão, seja cantada ou tocada uma música sacra previamente aprovada pelo sacerdote.

8- Em caso de comunhão dos noivos na celebração, sugerimos que se execute um canto ou uma música instrumental adequada como, por exemplo: “Panis Angelicus” ou outro relacionado com a Eucaristia.